20 novembro 2008

A cruz de cada 1

Cada um de nós, tem a sua cruz em Cristo, no entanto, se tivermos Maria no coração, por muito grande que ela seja, será sempre leve.
Magnificat

A minha alma glorifica o Senhor
e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador.
Porque pôs os olhos na humildade da Sua serva:
de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas:
Santo é o Seu Nome.
A Sua Misericórdia se estende de geração em geração sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do Seu braço,
e dispersou os soberbos.
Derrubou os poderosos do Seu trono
e exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens
e aos ricos despediu de mãos vazias.
Acolheu a Israel, Seu servo,
lembrado da Sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais,
a Abraão e à sua descendência para sempre.
Amen.

10 comentários:

Kenosis disse...

Belíssimo post, meu irmão! Como glorificar e amar ao Deus de nossas vidas sem aceitar e carregar a cruz que nos doa tão isericordiosamente ao nascermos? A cruz diária de nossas vidas em união ao Bom Deus tem valor infinito.E o que importa é não ficar com as nossas cruzes sentados chorando pelo caminho, mas ficar de pé e levá-las de pé. Que nossas almas glorifiquem também ao Senhor por nossas cruzes, caminho para Deus Amor!Obrigada por tão belo post! Deus e Maria Santíssima lhe abençoem e guardem sempre!

Ecclesiae Dei disse...

Concordo!
Abraços , bom fim de semana!

Lavrador disse...

"Cada um de nós, tem a sua cruz em Cristo, no entanto, se tivermos Maria no coração, por muito grande que ela seja, será sempre leve."

Que pena este seu comentário...como se Jesus nos impusesse uma cruz pesada. Maria morreu naturalmente.. Não anda por aí levantar as cruzes das pessoas!!

Maria João disse...

Como a Mãezinha nos ajuda!!!!!


beijos em Cristo e Maria

Paulo disse...

Amigo Kenosis, obrigado pelo seu comentário. Não tenho tido muito tempo para ler o seu e de outras pessoas.

Paulo disse...

Ecclesiae dei Boa semana para ti também.

Paulo disse...

Amigo Lavrador, gosto de ler o seu blog, tem assuntos interessantes, pertinentes e reais. Quanto à nossa Cruz em Cristo, é usado como metafora, não que seja uma Cruz palpavel mas sim, as novas vidas, os nossos actos. Quanto a Maria, estamos em terrenos opostos. Pelas suas palavras, não subiu aos Céus, por mim, tem-me Ajudado muito em pequenas coisas.

Paulo disse...

Nem mais Maria João, nem mais.

Mari disse...

E o que seria de mim sem o colo da mãe?
Acho que toda vez suportei muitas das cruzes no caminho, com fé no terço e no amor de mãe, que não se mede. Beijinhos, mari!
Espero que tudo esteja maravilhoso!

joaquim disse...

Diz-se o seguinte:

Às vezes de tanto querermos um Cristo glorioso sem a Cruz, acabamos por ter uma cruz sem Cristo.

E aqui podiamos acrescentar Maria que também nos ajuda a carregar a cruz.

Abraço amigo em Cristo