12 julho 2007

A propósito de um Padre


Na passada quarta-feira foi mais uma reunião dos Romeiros da Ilha Terceira. Mais umas caras novas apareceram no intuito de estarem mais próximos da palavra de Deus, de experimentarem e viverem uma romaria, mais que apenas meia dúzia de dias na estrada.

Como não poderia ser tivemos a parte espiritual, onde o nosso guia espiritual e já Sacerdote, o “nosso Dinis” falou sobre a Sagrada Eucaristia de uma forma simples e ao mesmo tempo com “paixão” por aquilo que nos estava a transmitir, qual Jesus no meio do povo.

Confesso que, mês após mês, vou (e penso que os restantes irmãos também) gostando cada vez mais deste “novo” Padre, melhor dizendo, desta nova maneira de agir como padre, já que, no meu entender, o “nosso Dinis” para além de ser um padre exemplar, é uma pessoa que sabe falar sobre a Igreja de uma maneira tão peculiar que, todos os que o ouvem (mais letrados ou menos letrados) percebem o que por ele é dito. É uma pessoa que chega a todos e para além de se ver, sente-se que Vive a palavra de Cristo de uma maneira quase fervorosa, de uma paixão que não se vê muito nos dias que correm.

Confesso que, reunião após reunião, saiu delas cheio de tanto amor em Cristo como se, Ele, naquelas reuniões estivesse presente e personificado no Dinis alias, pensando bem, Ele está sempre presente mas, nestas reuniões e depois das palavras que brotam da sua boca, sinto-O de uma maneira diferente, especial…quase como se estivesse presente a Ele e não a um Sacerdote “qualquer”.


Ao irmão Dinis Silveira e agora Sacerdote, desejo tudo de bom na sua vida e que Cristo continue a agir nele como até agora tem agido porque, a sociedade em que vivemos precisa de pastores assim…

6 comentários:

elsa nyny disse...

paulo!

também conheço graças a Deus alguns "Dinis" por isso ao ler-te entendi-te perfeitamente, palavra por palavra...para o Dinis as maiores felicidades!!!


beijinhos!
:)

Maria João disse...

Como os "Dinis" fazem falta...

beijos em Cristo

Cris disse...

É verdade o Dinis, agora sr padre, faz-nos sentir bem quando dele ouvimos a palavra de Deus nosso Pai. Que Deus o proteja e que lhe ilumine sempre, como até ao momento. O Dinis é uma pessoa muito especial. Um grande beijinho para ele e como já uma vez lhe pedi: que reze muito por todos nós. Que Deus o ajude a começar esta sua longa caminhada...
Parabéns... padre Dinis.

Paulo disse...

Pois é amiga Elsa, infelizmente não abundam Dinises como desejariamos.

Paulo disse...

E muita falta mesmo Maria João

Paulo disse...

Exacto Cris, lindas palavras