16 setembro 2008

Dias depois

Passaram-se alguns dias. Penso que nem muitos nem poucos, apenas alguns, muitos para mim, segundos para Ele.
Na passada sexta-feira foi a um baptizado, por sinal do meu afilhado (após o respectivo baptismo é obvio) e entre outras coisas, acendi a vela, “dei-lhe a Luz de Deus”.
Algures na bíblia é dito que “O que ligares na terra será ligado no céu”. Não sei se terá sido por ter tido aquela Luz na minha mão, se terá sido por ter assistido á missa ou pelas orações anónimas que muitas pessoas têm feito em meu nome e em nome dos meus, apenas sei é que me sinto diferente.
Diferente em que termos?
Já não sinto aquele vazio ou aquele abismo que sentia.
Não sinto aquela fé que sentia mas, já não sinto a sua ausência.
Não sinto a angustia ou o desespero mas sim, uma calma interior que não sentia, só não sei se será o princípio de mais uma tempestade ou a bonança depois dela.
É uma sensação esquisita, confusa até mas, para melhor sem duvida alguma. É como se algo de muito bom esteja para acontecer, pelo menos quero crer que sim.
Continuo sem saber se terá sido pela intercessão da Nossa Mãe ou pela descoberta d`”Os Segredos do Pai Nosso” onde (re) descobri que Deus é Pai e como tal, não deseja que nada de mal aconteça aos seus filhos, ainda que por vezes pareça isso, ainda que por vezes, a Sua vontade não seja a nossa.
Peço-Lhe apenas que não me desampare, não desampare a minha família e que, não me faça passar por outra escuridão d ´Ele.

11 comentários:

Maria João disse...

E não te livras da intercessão das nossas orações!!!! :P

Fico muito feliz por te sentires melhor. Graças sejam dadas a Deus Pai. Filho e Espírito e a Sua Mãe Santíssima.

beijos em Cristo e Maria

Anónimo disse...

Deus não desampara aqueles que acreditam no Seu infiniti amor.
Que a Luz de Deus permaneça sempre em vós.
Rezo por ti.
Abraço em jesus Cristo

mafaoli disse...

Deus não desampara aqueles que acreditam no Seu infiniti amor.
Que a Luz de Deus permaneça sempre em vós.
Rezo por ti.
Abraço em jesus Cristo

joaquim disse...

E eu como já te disse Paulo estou imensamente feliz porque o Senhor tocou o teu coração.

Vou agora participar na Missa tendo como intenção a tua familia, a tua vida.

Que Deus te abençoe.

Abraço muito amigo em Cristo

Nuno =] disse...

!!!

Eu não sou nada de comentar blogs que mal conheço (isto faz sentido), sobretudo se têm algum carácter pessoal e não tenho nenhuma relação (no sentido comum do termo) com o autor, mas até por isso mesmo...

Este post é incrível!

*****

é mesmo ^_^

Gente comum disse...

E essa calma interior é a paz de Deus.
"Sensação esquisita" porque talvez tenha acontecido de um momento para o outro?
Mas Deus é assim: quando entregamos, confiamos, rezamos mesmo quando achamos que a nossa oração não é sentida... Ele é o nosso PAI! Como poderia desamparar um filho Seu?

Continuamos a rezar.

Com amizade,
Ana

P.S. Eu falo assim porque já experimentei - e experimento - essa Paz de Deus em diversas situações da minha vida...

Ecclesiae Dei disse...

Tenha a certeza, meu amigo, que essa Paz que sentes e essa serenidade vêm dEle. Continue confiando!!!
E continue contando com nossas orações. Com muita alegria recebi essa notícia de que está melhor. Creio que logo voltarás à fé que sentias antes!!!
Fica com Deus!!

Mari disse...

Que bom que a luz apareceu!
Ela sempre aparece. Precisamos, alguns de nós, mistérios de Deus, passar pelas noites escuras. São essas noites que nos fortalecem em Cristo, por incrível que pareça.
Creio que tudo se dará da melhor forma.
Sabemos que temos um Pai e uma Mãe que não nos desamparam.
Fiquem com Deus e a Virgem Maria.
Jesus, Maria eu vos amo. Salvai almas e olhai pela recuperação plena da vida do paulo e esposa. Amém.
Ofereço o que passei hoje para a plena recuperação da sua esposa. Sim, eu creio !

Anónimo disse...

Deixa de ouvir os teus pedidos e ouve os Dele. Quais os mais difíceis?
Entrega as tuas lágrimas a Deus e recebe o seu Sorriso.
Foste ver a Tua Mãe? De que lado a olhaste? Ela sorriu-te?
Se ainda não a foste ver acho que é tempo de lá ires. Que nenhuma Mãe fique sem a visita do filho. Acreditas no que te digo? Se acreditas não há que ter dúvidas. Leva-lhe lágrimas e traz sorrisos da Amor.
Andes por onde andares é a Senhora maior que te chama. Acredita!
Tu sabes quem sou e mesmo que não saibas acredita-me porque acabei de vir de lá e Ela recebeu as minhas lágrimas.

Paulo disse...

Amiga Maria João, obrigado pelo apoio.

Anónimo obrigado pelas orações.

Obrigado Mafaoli.

Obrigado Joaquim pelas intenções.

Amigo Nuno também nem tanto. É um post sentido, apenas isso.

Amiga Ana, se também já passaste sabes o que se sente nestas alturas.

Eclessiae dei, sim vou continuar a acreditar.

Caro(a) anonimo, gostei das suas palavras mas fiquei um bocado a pensar nelas. Ir ver a minha Mãe? Conheço-te, de onde? Se puder agradecia que desse mais uma dica sobre quem é. Obrigado.

malu disse...

Só para te deixar um abraço, já que não iria acrescentar mais do que todas estas mensagens te dizem.
Acredito no poder da oração, de intercessão. continuamos a rezar e como diz a Mª João: "Não te livras!"

Fui a Fátima como sabes e levei-te comigo. Fico a saber pelo comentário acima, que este fim de semana estivemos lá alguns daqui - blogosfera.

Abraço em Cristo e Maria.