23 novembro 2006

Deus escreve direito por linhas tortas

Como indica o título deste artigo, por vezes sem nos apercebermos, Deus realmente escreve direito por linhas tortas.
Isto porque ao ler os títulos que vou pondo aos meus artigos neste cantinho, e sem que os mesmos tenham sido postos de propósito, constato que, na soma dos mesmos “obtenho uma mensagem D´Ele”.

A simplicidade de Deus é como açúcar. Procuro a catequese mas, apesar de ser um trabalho árduo é gratificante. Depois de um domingo sinto que Cristo é um irmão amigo, e como ser humano que sou por vezes perguntO-lhe:
- Será que o mal existe?

Aqui fica o meu desabafo. E como sou contra o aborto…”por dá cá aquela palha, faço uma prece, uma oração, para que quem for votar, pense primeiro.

É claro que esta é a minha interpretação, a minha maneira de ler nas entrelinhas o que Ele me quer dizer.

12 comentários:

caminante disse...

Caro amigo: el mal existe. Está en el corazón de cada uno. Lo sembró el Maligno por envidia.
Pero el Maestro dijo: esta clase de demonios sólo se vence con la oración.
Rezemos para que el Amor anide en nuestro corazón, y en el corazón de los demás. Sólo así contribuiremos a arrancar el mal. Tú lo dices muy bien: rezo para que cada cual medite su voto en el corazóm.
Un fortísimo abrazo.

Paulo disse...

Gracias Caminante pelas tuas palavras.

João Moutinho disse...

Bom fim de semana.

Paulo disse...

Já se foi João...mas obrigado.

Maria João disse...

Também concordo com o caminante. Quanto mais importância damos ao mal, pior.

Também estou a rezar para que o "não" vença. Vamos todos fazer o mesmo?


beijos em Cristo

Paulo disse...

Vamos Maria João

malu disse...

Rezar, rezar pelos indecisos e para que o não vença.

joaquim disse...

Rezar e não só rezar, jejuar também.
«Esta espécie de demónios não se expulsa senão à força de oração e de jejum.» Mt 17, 21
Vamos todos acordar, quando se souber a data do referendo, em fazermos jejum em determinados dias, semanalmente, ou como melhor entenderem, para além da oração diária e, outra proposta, uma visita de adoração ao Santissimo Sacramento, no Sacrário, por exemplo, de 15 minutos, 30 minutos, semanais.
Que dizem desta proposta?
Abraço em Cristo

João Moutinho disse...

Bom início de semana - mesmo já sendo terça-feira.

Andante disse...

Já se sabe a malfadada data - 11 de Fevereiro -.
Agora começou verdadeiramente a "guerra" pelo não.
Boas ideias Joaquim e que vença o não.

Quando permitimos que a razão vença o coração...

Beijos peregrinos.

Anónimo disse...

E como Deus escreve direito por linhas tortas, espero que, pelo menos, este referendo nos faça pensar a sério na cultura de morte e na cultura de vida!

Anónimo disse...

Claro que o mal existe.
Ele nos põe à prova.
Mas com Cristo havemos de vencer!